Inaugurado em 1971, o Hospital Israelita Albert Einstein é reconhecido pelos seus tratamentos com tecnologia de ponta e atendimento humanizado, o que ressalta o proposito da sociedade beneficente de oferecer à população do Brasil uma referência em qualidade da prática médica.

Buscando sempre inovar e crescer com excelência, em 2006 o hospital iniciou um plano de expansão. Junto da unidade Morumbi, três novos prédios foram erguidos – Edifício Reynaldo André Brandt, Pavilhão Vicky e Joseph Safra. Dados desses dois últimos demonstram a dimensão dessa obra: 70 mil m² de área construída, 200 novos consultórios de várias especialidades, 20 novas salas cirúrgicas e 41 apartamentos para internação-dia.

Com estrutura maior e mais pessoas circulando pelo hospital, também foi fundamental planejar um novo espaço e conceito operacional para a cozinha, garantindo atendimento de excelência aos pacientes, visitantes e colaboradores, com alimentação de muita qualidade sendo preparada dentro das normas de segurança alimentar. Para esse desafio, o hospital contou com a expertise de Nathalia Sifuentes, consultora especialista em Food Service, que atuou nesse planejamento em conjunto com a Systems Design International, escritório americano de design, onde apresentaram soluções eficientes para o aproveitamento da edificação, dos fluxos de trabalho e dos recursos humanos.

Nathalia Sifuentes também foi responsável por integrar a equipe de implantação da cozinha, onde em parceria com o experiente consultor de restaurantes, Armando Pucci, auxiliaram na compatibilização dos projetos de instalações, na equalização de propostas de equipamentos e com o acompanhamento da fabricação, entrega e instalação destes.

Reformar com excelente padrão de qualidade, sem interromper as atividades e com o menor impacto possível foram os maiores desafios desse projeto segundo Nathalia Sifuentes. “Como se tratava de uma reforma de instalações bastante antigas e que não podiam cessar seu funcionamento, por mais que planejássemos todas as variáveis tangíveis, como alternativas provisórias de fornecimento de alimentos durante a reforma, confinamento das áreas para impactar ao mínimo a continuidade da operação do hospital, entre outros, nunca sabemos exatamente o que será encontrado no momento de uma demolição, o que impacta enormemente no cronograma da instituição como um todo, não só do SND – Serviço de Nutrição e Dietética. Inúmeros departamentos eram impactados direta ou indiretamente por este projeto, que foi um dos maiores do hospital, ou seja, a expectativa ia bem além do que um projeto de Foodservice geralmente alcança”, diz a consultora.

Diversos equipamentos utilizados na cozinha do Hospital Albert Einstein são da marca Cozil, que forneceu itens de refrigeração, distribuição com banho-maria e pista fria, além de vários itens de mobiliário inox, incluindo as grelhas de piso sifonadas que foram desenvolvidas exclusivamente para este projeto. Segunda Nathalia Sifuentes, a empresa foi selecionada como fornecedora devido a sua capacidade fabril, além de diferenciais técnicos que deram segurança ao cliente final.  ”A Cozil tem nos surpreendido com sua evolução fabril. O time de engenharia ganhou nos últimos anos uma posição de liderança no mercado, sempre atendendo às especificações ou sugerindo melhorias que tornassem o produto final do cliente mais adequados. Quando o cliente se sente seguro com um fornecedor, isso é precioso para nós”.

Com a reforma, a cozinha do Hospital Albert Einstein está capacitada para preparar até 9.000 refeições diárias, contando com cerca de 300 funcionários, desde o almoxarifado até o time de copeiros.

Para saber mais sobre este projeto da cozinha e falar com os especialistas envolvidos, acesse os canais de Nathalia Sifuentes e Armando Pucci.

1 Comentário

  1. Parabéns a Nathalia e Armando Pucci e todos o fornecedores envolvidos nesse mega projeto, são profissionais especializados de muita competência no segmento do Food Service, no SND, e trato com alta gastronomia, isso nos enche de orgulho termos no Brasil profissionais de ponta e empresas capacitadas para esses desafios,

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário